Buscar

Frankenstein nas ruas: 24% das motos periciadas no DF são sucatas

Laudo elaborado por Peritos Criminais do Instituto de Criminalística da Polícia Civil do Distrito Federal (IC-PCDF) revela que, entre maio e junho deste ano, dos 217 veículos periciados, 24% foram remontados a partir de peças leiloadas pelo Departamento de Trânsito do DF (Detran-DF). Segundo o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), é vedado o retorno de veículo leiloado como sucata à circulação.

Além dos riscos aos motoristas, há gastos desnecessários aos cofres públicos e prejuízos no atendimento de outras ocorrências pela PCDF.

Os custos vão desde a apreensão, combustível para deslocamento dos guinchos e das viaturas, horas de trabalho das equipes policiais, materiais necessários para realizar as perícias, dentre outros.

Segundo o laudo pericial, alguns dos veículos que não deveriam estar em circulação tiveram algarismos do Número de Identificação Veicular (NIV) adulterados. Após consultas na Base Nacional de Veículos, foi constatado que muitos dos automóveis haviam sido registrados em outras Unidades da Federação, em situação regular.

Porém, após o trabalho da Perícia Criminal, os números corretos dos chassis revelaram que 76 dos veículos apreendidos neste período foram roubados.



5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo